Minha infância, minha vida, meus amores e dores; minhas idéias e meus ideais; idéias alheias, conversação entre sorrisos e lágrimas, tudo contado de uma maneira gostosa e com uma pitada de bom humor por uma pessoa FELIZ!

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011

Você viu meu sono por aí?



Já contei para vocês que sou noturna? Não? Meu maior pique é sempre no escuro. Para isso que você pensou, pode ser de dia, mente poluída. Estou falando de ficar acordada mesmo.
Não sei há quanto tempo, mas acho que foi aos poucos que comecei a dormir mais tarde, e depois, cada vez mais cedo. Sim, cedinho, 6 da manhã.
Tenho duas amigas corujas que sempre estão ali no pátio. Então saio na varanda e converso com elas, com as estrelas e também com a lua. Se estiver chovendo até com a chuva.
Interessante porque lá na minha outra casa também tenho uma  lindinha, que adora meu varal. Aliás, em todo lugar que moro, tenho sempre corujas por perto. Deve ser porque sempre as achei muito lindas.

minhas companheiras noturnas

Tarja preta? Para mim faz efeito contrário, não pensem que não tentei.
Foi-se o tempo em que dormia com as galinhas e acordava com o galo.
Quando eu ainda trabalhava era tão automático, que só acordava mesmo quando chegava ao trabalho. Quando ia de ônibus, dormia, e nem sei quantas vezes passei do ponto de descida. Ah, então eu tinha que acordar bem, porque o retorno dos pontos que perdia, tinha que ser na corrida. De salto e muitas vezes de vestido ou saia não fica nada fácil correr.
Já pensou virar o pé ou então levar um belo tombo?
Quando ia de carro não via nem o caminho que fazia. Muitas vezes errei de Escola. Ui, que vergonha. Depois acho que até o carro aprendia os dias de cada Colégio. Em alguns anos cheguei a trabalhar em 5 Colégios diferentes e mais um cursinho pré-vestibular.
Houve uma época em que comecei a trabalhar pela manhã e à noite. Então à tarde toda eu dormia de "babar" no travesseiro, e a madrugada era para preparar aula, corrigir textos e outras coisas.
Chegava a fazer faxina na casa durante a madrugada, pode? Isso porque durante o dia tinha secretária.
Mas também quando o sono vinha, se me encostasse a um poste, dormia em pé. Como era bom. Pelo menos eu tinha sono.
Agora perdi e não consigo encontrá-lo.
Então fico aqui sentada na cama, com a luz acesa, o note na mesinha, lendo notícias na net, passeando pelos blogues, ou viajando nos livros, e marido aqui do lado dormindo como um anjo.

Mas estas duas últimas noites foram terríveis. Não consigo ficar um instante sem pensar nas pessoas que estão sofrendo com as enchentes, principalmente na região serrana do Rio.
Quanta tristeza!
Tudo se acabou em poucos minutos. Famílias inteiras mortas, outras despedaçadas, casas destruídas. Muita dor, muito sofrimento.
Começo a me colocar no lugar dessas pessoas, e fico aqui pedindo a Deus proteção e força para os sobreviventes. Sinto-me um nada, sem poder ajudar fisicamente.
Dar um abraço, fazer comida, ajudar com as crianças ou qualquer coisa útil.
Agradeço pela vida e porque todos os meus estão bem. Mas meu coração se aperta ao pensar no sofrimento de tantas famílias. 
Não é nada fácil.
Aniversário do blog
Você já se inscreveu para participar da festa de aniversário do meu blog?
“A vida de uma guerreira” completa seu 1º aninho no dia 18/01, próxima terça-feira. É só clicar no selo ao lado e deixar seu comentário para participar da Blogagem Coletiva, cujo tema é “Minha declaração de Amor”.
Vai lá e se inscreva.

 Bjs no coração!


39 comentários:

Chica disse...

Essa tristeza nos faz mal a todos, uma tragédia...

Não gostaríamos de ter que ve isso e imagina os quantos vivem uisso no momento? Triste...beijos,chica

Liza Souza disse...

Nilce, acho que vou mandar o Miguelzinho para te fazer companhia nas madrugadas, que tal? rs Já deu pra perceber que ele também é noturno, o que é pessimo pra mim que de noturna nao tenho nada. Essa tragédia do Rio é mesmo de tirar o sono da gente. Uma tristeza ver tanta gente perdendo tudo e algumas perdendo o bem mais valioso que a gente tem: a vida. Que Deus tenha misericordia!
Beijos

JOANA CAMPOS disse...

Oi Amiga, acredita que desde que mudei para essa casa onde moro hoje tem uma coruja que ja morava lá? KKKK tbém gosto de corujas...

Amiga, o trem no Rio tá feio mesmo, mas hoje reeditei meu post e disponibilizei umas contas do Bc Brasil para depósito de ajuda...Que tal?

Beijos

Joana Campos

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

ADOREI SUAS AMIGAS NOTURNAS SÃO LINDAS,EU DURMO COM AS GALINHAS E ACORDO COM O GALO QUANDO SAIO A NOITE FICO PAGANDO MICO E BOCEJANDO O TEMPO TODO É HORRÍVEL!
ADOREI O TEXTO!

July disse...

Tenho acompanhado por aqui essa tragédia e é algo muito triste e lamentável. Quanto ao fato de dormir, sou uma pessoa diurna(até o nomento), consigo dormir numa boa, mas quando nao durmo fico muito mal. Bjs

Jaque ઇ‍ઉ disse...

Ai amiga, não me imagino sem dormir sabe?
Quando demoro um pouco mais no outro dia estou um zumbi...

Estranho como o sono foi embora assim, derepente. Logo com vc que dormia tão bem. Não deve ser fácil ficar acordada a noite inteira.
Ainda mais com preocupação na cabeça. Eu também estou chocada com tudo que aconteceu. Sei que é difícil esse momento e que no desespero as pessoas se alojam em qualquer lugar e como o repórter falou, até no quintal do rio. É inevitável que tragédias aconteçam nessas situações. O governo tinha que tomar providências quanto a isso... Nos outros países ocorre enchentes piores que essa e o número de mortos é mínimo. Porque eles conseguem controlar a população e deixar as margens dos rios livres...

Mas já aconteceu uma vez, agora novamente e sabe-se lá quantas mais...

Beijos amiga

Laninha disse...

Nilce, que coisa! Tbm só consigo produzir da noite para a madrugada (estudar, preparar aula, corrigir trabalhos), mas é coisa do relógio biológico pq qnd pego no sono, se me deixarem, vou até 10 e pouco da manhã rs... Difícil é qnd trabalho no matutino, fico "zoeuda" que nem tuas corujinhas rsrs...
E realmente é mto triste o que aconteceu com essas chuvas... Tbm sou grata pela minha vida e as alegrias, mas sabe que é estranho, quase uma sensação de egoísmo, estar bem quando tantos outros irmãos estão sofrendo... Mas se nossa "dor" é grande imagina a deles! Coisa de partir o coração mesmo.
Abraço.

Yoyo Pizy disse...

Muito triste mesmo, essa tragédia no Rio, amiga.
Quanto aos hábitos noturnos, ultimamente estou tendo problemas com a falta de sono.Na verdade, sou um bicho diurno, mas nesses últimos meses trabalhei até a madrugada e dormi até o meio dia.Isso me virou um pouco de cabeça para baixo,rs.
bjos

welze disse...

Ô minha linda! tem que dormir o sono da beleza. tente não se levantar nem acender a luz. tente conciliar o sono. Não deixe seu corpo acostumar a não dormir. é horrivel. eu fiquei mais de 2 anos sem dormir por conta de cuidar da mamãe durante a noite e tenho muita insônia, pois meu corpo, meu metabolismo se acostumou a ficar desperto, mas faço tudo para ficar quietinha na cama, até o sono voltar. devagarinho ele está voltando ao normal. um abraço.

Silenciosamente ouvindo... disse...

Corujas era capaz de gostar de
conviver mais de perto com elas
mas não tive essa sorte, até hoje.
Amiga, estou mtº. triste comm tudo
o que mais uma vez aconteceu no
Brasil.Que tristeza.A natureza anda
tão zangada.
É impensável o sofrimento de quem
foi diretamente afetado.
Beijinhos para si
Irene

diariodumapsi disse...

Ei Nilce!

Sabe que outro dia apareceu por aqui um filhote de coruja? Cauãzinho ficou encantado! Ela ficou por aqui uns dois dias.
Mas garota, não se acostume com a insônia não, precisamos dormir!
Tenho acompanhado as enchentes pela Tv e eu nunca vi tantas mortes! Rezo para que as chuvas cessem e as pessoas consigam se recuperar.
Gd beijo

Lúcia Soares disse...

Nilce, seu sono anda a passear com o meu...Tenho conseguido dormir apenas depois das 2 da manhã e antes das 8 já acordei...Há meses tem sido assim. O pior é que não consigo dormir de dia. A não ser que estja cansada demais, mas por apenas usn 20 minutos. Isso não é bom, de jeito nenhum. Temos que nos cuidar.
Sobre a tragédia, Deus tenha piedade dos sobreviventes. A dor da perda material não é nada, frente a dor de perder um ente querido.
Já chorei muito, já senti raiva (porque todo ano acontece a mesma coisa, seja no RJ, ou SP, ou MG, ou sul?). Seja onde for, é desgastante ver que tudo poderia ser evitado, ou pelo menos minimizado, se as pessoas se conscientizassem.
Beijos!

Cantinho She disse...

Muuuuuuuito triste tudo por aqui, muito mesmo, e o pior é que as próximas horas é de muita chuva na região serrana, minha nossa... :(

Nilcinha, eu adoro corujas, sabia?! Adorei a fotinho...

Beijo, beijo queridona e tente descansar... ;)
She

♥ κєκєl ♥ disse...

Coruja é símbolo de sabedoria hehehe
Sério, é símbolo de pedagogia.

Amiga, tem presentinho para vc no endereço abaixo:

http://kantinhodakekel.blogspot.com/2011/01/selinho-este-blog-e-recomendadissimo.html

Beijos da Kekel

Nira disse...

Assim como você, também funciono melhor a noite mas me vi obrigada a mudar isso quando tive de dar contA DE TRABALHO E FILHOTA. mAS VOLTA E MEIA AINDA ME ATRAPALHO E volto a passar noites em dormir (adoro). Quanto à blogagem coletiva, estou dentro. Já está em tempo de eu fazer umas declarações de amor, hehehehe

Iram M. disse...

Oi amiga, que bom bom que já estou inscrita, né! Nilce, fico imaginando como vc acorda no dia seguinte. Essas noites tenho dormido pouco devido aquele problema da Bruna, acordo no dia seguinte, um caco, como se eu fosse ninguém. Ninguem merece!

É, quanto a tragédia no Rio, sem palavras. Ontem no meu curso o assunto foi esse. As noticias estão em todos os jornais do mundo. E claro que sofremos duas vezes: pela tragédia e por ser com o nosso povo, entende o que quero dizer?

Um beijo amiga, e que hoje vc consiga ormir feito anjo também

Élys disse...

Já tentou deitar e não pensar em nada que te preocupe? Tente...
Moro em Petrópolis, mas muito distante dos problemas, mas dá muita tristeza.
Beijos.

manuel marques disse...

O sono é como uma outra casa que poderíamos ter, e onde, deixando a nossa, iríamos dormir ...

O meu abraço solidário para todo o povo Brasileiro.

Beijinho minha querida.

Kelly disse...

Querida realmente muito triste toda essa tragédia que está acontecendo em nosso país. De perder o sono mesmo, beijos

lolipop disse...

Nilcinha minha querida,
Esse Brasil aí, é cheio de coisas engraçadas...sabe que nunca vi uma coruja ao vivo? Pois, pode até rir de mim, mas é verdade. Nem uma pequenininha ao longe, quanto mais na varanda.Agora sono é comigo, gostaria de não ter sono tão cedo, mas também a minha hoa de levantar é seis da manhã, excepto ao fim de semana. Quando estou muito tensa, o que acontece é que durmo cheia de sonhos, acordo muitas vezes e de manhã estou estafada...
Há dias li um artigo em que comparavam corujas e cotovias, pessoas diurnas e nocturnas, e chegavam á conclusão de que as corujas eram bem mais criativas e inteligentes...
Quanto a toda a infelicidade de tanta gente com as cheias, sinto muita tristeza e pena de não poder ajudar...
BEIJOSSSSSSSSSSSSS ENORMESSSSSSSSS
TENTA DORMIR...será que não há nenhuma erva milagrosa por aí?
TERNURASSSSSSSSSSSSSS

Mônica Bif disse...

Perco o sono só de pensar em tantas tragédias acontecendo neste mundo... como vc, queria estar lá, pessoalmente, ajudando cada uma daquelas pessoas, coração de enfermeira sabe como éh? É coração comprometido com causas humanitárias, só lamento de não poder estar lá, mas daqui minha orações são para que Deus dê forças a todo povo do Rio e coloque anjos naquele lugar, pra ajudar a superar todo este sofrimento. Numa hora dessas, nossos olhos e corações só podem se voltar a Deus mesmo, só Dele pra vir o consolo, a força e esperança necessária para recomeçar... Assistindo ao jornal nacional de ontem, fiquei tocada pelo olhar da nossa Presidenta Dilma Roussef, ao caminhar pelos vilarejos arrasados, encontrar com o sofrimento aí, ao vivo e em cores, sentir o cheiro da dor, do fim, da desolação, não estou aqui para puxar o saco e nem para julgar nenhum político, que fique bem claro, mas aquele olhar da Presidenta, me fez refletir... Mal o ano começou, e já acontece algo assim, tão desolador? Naquele momento, vi que os sentimentos da nossa Governante não era apenas os sentimentos de uma Autoridade Nacional, mas juntava-se aos dos milhares do povo em geral, em muitos olhares e feições, pude ver muitas vezes um oculto "e agora meu Deus, o que que eu faço?!". Que Deus nos ajude! Abraços....

Graça Pereira disse...

Tambem sou "coruja" Desde que me aposentei, vivo quase de noite...gosto do silêncio da casa, uma música agradável, a leitura de um livro há tanto tempo á minha espera... escrever, porque é de noite que a memória se torna mais clara e activa...ver um bom filme e depois dormir quando o galo canta!

Um abraço solidário com o sofrimento dese povo irmão.
Beijos
Graça

"(H²K) - Hamilton H. Kubo" disse...

Lindas corujas!!
Adoro-as também!
Sabe eu também sou péssimo de cama, mas tento ao máximo me policiar!
Mas no final o que mais faço é perder a hora de se acordar!! rsrs

Acho que é o chá de Camomila, tomo um bem forte antes de me deitar.
Mas mesmo assim demoro para pegar no sono, ai quando já é dia não consigo acordar!! rsrs

E de fato tem toda razão, em relação às catastrofes que estão ocorrendo.
Não tem como não pensar... Energias positivas devemos sempre emanar!
Vidas não trazemos de volta, mas podemos fortalecer as que existem...

Beijos Nilce

Lili Bolero disse...

O mesmo sentimento de impotência diante de tanto desespero e desolação me invade. Chorei muito ontem e cada vez que vejo o sofrimento no rosto daquelas pessoas me sinto uma tristeza enorme. Só peço a Deus por aquela gente tão sofrida e agradeço pela minha vida e condição. Quanto ao sono, também durmo muito pouco. Antigamente, se me deitava à tarde, tinha de dormir muito e, às vezes, emendava com a noite. É, acho que é coisa da idade..hehehehehe. Beijokas.

Isa Mar disse...

Oi Nilce, to aqui em Ctba comemorando, meu filho passou na Federal, então to tão eufórica que nem sei se vou conseguir dormir rsss
Ele tá com os primos comemorando e eu vim resolver umas coisas na cidade que agora é certeza que vou voltar a morar
Volto na terça, pois agora são preparativos pra mudança e vida nova!
O post pro níver já tá programado, dei uma de poeta...se ficou bom não sei, depois vc que vai dizer...
Beijos pra ti amiga!

San disse...

adorei o blog e ri com o post aqui em casa temos minha mãe ... só que o tarja preta com ela funciona rsrrs bjs ah sou sua seguidora

Lívia Azzi disse...

Corujinhas mais lindas, Nilce!!

Nunca vi desses bichinhos por perto... Gosto de dormir por volta da meia noite e acordar por volta das nove da manhã (nas férias é possível) mas durante as aulas não é fácil despertar cedo de segunda a quinta, só acordo mesmo quando chego na escola e vou a pé e é pertinho de onde moro ...

A tristeza no Rio é mesmo de tirar o sono, a cena da mulher tentando salvar o cãozinho foi chocante, as pessoas com água até o pescoço, perdendo tudo, as pessoas morrendo...

Beijos!!

LILIANE disse...

Nilce,
sono é tão importante né amiga?
aff, tenta relaxar, internet ligada deixa a gente ligado, é muito estimulo.
falo de experiencia propria, olha a hora,rsrs
beijo querida, fica com Deus
quanto as tragédias, façamos o que está ao nosso alcance, né.
beijinho

Ângela disse...

Nilcinha querida, vou dar um jeito nesse MSN assim ficaremos de papo a noite toda, eu também não durmo e vc. bem sabe disso. Quando minha filha morava em Orlando nós nos falavamos por várias horas pelo msn, depois disso não usei mais. Suas amiguinhas corujas são lindas.
Tente dormir com os anjos.
ADORO VC.
BEIJOS COM CARINHO

Misturação - Ana Karla disse...

Nilce essas tragédias deixam a todos abalados, mas procure relaxar, pois Deus dará o destino, mesmo depois de tanto sofrimento.
Pense nas coisas boas e nos seus, sem deixar de lado o sentimento do momento.
Tudo de bom pra você e um ótimo final de semana com muito sono. rssssssss
Xeros

Misturação - Ana Karla disse...

Esqueci de falar das corujas...rs
Eu não tenho nada haver com esse hábito noturno, aliás, durmo e acordo cedíssimo.
Mas adoro as corujas,,, acompanhei uma por muitos meses.
Xers

Karina Alecrim Bessa disse...

Olá Nilce!

Realmente a situação no Rio é muito triste. Mas, para alegrar um pouquinho, tem um presente para vc lá no meu blog. Passa lá e pega, tá?

Bjs,

Karina - Mundo Psi.

ONG ALERTA disse...

Dar conselhos é fácil, mas uma hora o sono vai voltar...beijo Lisette.

Paloma disse...

NILCE, é muito triste toda esta tra
gédia.Mas,é a mesma situação que
aconteceu o ano passado. Apenas o
número de vítimas é maior.

Quanto a dificuldade de dormir, é
muito ruim. Estou sempre passando
por isso e quando amanhece eu estou
péssima, parecendo um zumbi.

Beijos e bons sonhos

Manuela Freitas disse...

Olá querida Nilce,
No início do seu post fartei-me de rir, essas cenas que contas, podia contar similares. Sempre fui muito noctívaga, mas dormir para mim é fundamental, senão fico com uma birra! Depois de desconsertar por completo meu relógio biológico, agora só durmo com comprimido, mas dormir tem que ser!
Sobre a segunda parte do teu post, a tragédia foi impressionante, o caos que se instalou, as perdas que motivou, nós temos por cá informações em directo, mas para mim é impossível ver tanta desgraça!
Beijos,
Manu

Carla Farinazzi disse...

Oi Nilce!!!

Eu também sou uma pessoa noturna, acredita? E olha só, nessas férias (as primeiras que tiro em cinco anos), troquei, literalmente, o dia pela noite, rsrsrs! Durmo às seis da manhã e acordo às quatro, cinco da tarde!! Ô delícia! O duro é quando perco o sono, também não gosto não. Aliás, não gosto de dormir, mas sei que é necessário, por isso durmo. Mas perder o sono, estando cansada, é terrível!

Espero que consiga dormir bem esta noite, querida!

Beijão

Carla

Michele disse...

Ni, eu sou totalmente o contrário. Amo dormir à noite; detesto quando estou com insônia porque não gosto da noite! rss Aliás, eu gosto de dormir, muito! À tarde também acho uma delícia! Mas agora, me contendo com 4 ou 5 horas de sono e fico feliz! :)

Essa tragédia no RJ me deixa muito deprimida! Não dá pra imaginar a dor dessas pessoas!

E sim, você tem razão: andei toda orgulhosa com minha princesa até o médico! Não vejo a hora de podermos passear... :)

Um beijo, querida!

GRAÇA disse...

Nice! agora sou eu que te pesso ajuda para fazer uma blocagem mundial no dia 24, vai lá ao blog para te i9nteirares do que se trata
Ronrons da
kika

FlorAlpina disse...

Olá Nilce,
Também sou noctígava, Gosto da noite do seu silêncio e dos seus barulhos...

Deixo um abraço de solidariedade!

Bjs dos Alpes