Minha infância, minha vida, meus amores e dores; minhas idéias e meus ideais; idéias alheias, conversação entre sorrisos e lágrimas, tudo contado de uma maneira gostosa e com uma pitada de bom humor por uma pessoa FELIZ!

quinta-feira, 27 de maio de 2010

Vou virar MENDIGO!

PS: Não vou falar aqui das reais necessidades do ser humano, mas sim, da profissão que surgiu a partir das necessidades humanas.














MATEMÁTICA DE MENDIGO


Tenho que dar os parabéns para esse estagiário que elaborou essa pesquisa tão perfeita, pois o resultado que ele conseguiu obter
é a mais pura realidade.

Preste atenção nessa interessante pesquisa de um estagiário...


Um sinal de trânsito muda de estado em média a cada 30 segundos (trinta segundos no vermelho e trinta no verde).

 Então, a cada minuto um mendigo tem 30 segundos para faturar pelo menos R$ 0,10, o que numa hora dará: 60 x 0,10 = R$6,00.

Se ele trabalhar 8 horas por dia, 25 dias por mês, num mês terá faturado:

25 x 8 x 6 = R$ 1.200,00.

Será que isso é uma conta maluca?

Bom, 6 reais por hora é uma conta bastante razoável para quem está no sinal, uma vez que, quem doa nunca dá somente 10 centavos e sim 20, 50 e às vezes até 1,00. 

Mas, tudo bem, se ele faturar a metade: R$ 3,00 por hora terá R$600,00 no final do mês, que é o salário de um estagiário com carga de 35 horas semanais ou 7 horas por dia.

Ainda assim, quando ele consegue uma moeda de R$1,00 (o que não é raro), ele pode descansar tranqüilo debaixo de uma árvore por mais 9 viradas do sinal de trânsito, sem nenhum chefe pra 'encher o saco' por causa disto.

Mas considerando que é apenas teoria, vamos ao mundo real.

De posse destes dados fui entrevistar uma mulher que pede esmolas, e que sempre vejo trocar seus rendimentos na Panetiere (padaria em frente ao CEFET ). Então lhe perguntei quanto ela faturava por dia. Imagine o que ela respondeu?


É isso mesmo, de 35 a 40 reais em média o que dá (25 dias por mês) x 35 = 875 ou 25 x 40 = 1000, então na média R$ 937,50 e ela disse que não mendiga 8 horas por dia.

Moral da História :

Se esforce como mendigo e ganhe mais do que um estagiário ou um professor.
Estude a vida toda e peça esmolas; é mais fácil e melhor que arrumar emprego.

Lembre-se :

Mendigo não paga 1/3 do que ganha pra sustentar um bando de ladrão.

Viva a Matemática!!!

QUE PAÍS É ESSE?

desconheço o autor
 
 
Bjs no coração!
 

10 comentários:

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

Pode parecer estranho, mas sabe q aqui no Japão não é mto diferente?
Os mendigos daqui tem toda a ajuda do governo que quiserem. Dão casa, comida, tudo. MAs exige-se que parem de beber e trabalhem. Nem preciso dizer que escolha fazem, preferem mendigar, beber, do que se disciplinar.
Triste...

Bom dia pra vc!

♥ Lady ♥ disse...

Bom dia querida!
Nossa, você viu?
Compensa mais ser mendigo hoje em dia.
Não precisa estudar, ralar, bater cartão, se estressar com patrão etc.
Onde vamos parar?
Indignação.
ótima abordagem flor.
Deixo aqui meu carinho e o desejo que seu dia seja especial.
Bj

lolipop disse...

Nossa! Como é possível isso... chega a ser trágico e desmotivante pra quem trabalha duro.Post muito interessante!
Espero do coração que tudo esteja melhor com você Nilcinha.
Obrigada pela sua presença assídua lá no gatinho Banzai.
Gostando de você...
TERNURINHAS

Nilce disse...

Oi, Alexandre

Pois é, tem muita gente que realmente precisa e fica por pouco tempo em má situação. Se lhe é dada uma oportunidade, logo aproveita e muda de vida. Mas os sossegados com a ajuda que recebem, vão trabalhar por quê?
Ah, ainda não consegui terminar de assistir o seriado. Choro muito. È simplesmente espetacular. Depois comento, tá?

Oi, Lady

Fazer o que se tem gente que sabe se aproveitar da bondade alheia. Em Curitiba está cheio de placas pedindo para que as pessoas não deem esmolas e sim procurem uma Instituição. É o mais correto, pelo menos por aqui, porque como o Alexandre falou, pelo jeito no Japão o governo já promove de tudo.
Obrigada pelo carinho.

Oi, Margarida

Que dá vontade dá, né?
Ainda bem que não fomos criados para a safadeza. Filmaram numa reportagem uma mulher que pedia esmolas com as pernas cheias de curativos. Quando ela se distanciava, tirava os curativos e andava normalmente. Seguiram-na e pasmem, a casa dela era muito boa.
Obrigada pela sua preocupação. Quando entro em crise, é difícil. Demora um pouco. Obrigada pelo carinho e pelas coisas maravilhosas em teu blog.

Bjs no coração dos três!

Nilce

Lilian disse...

Nilce

kkkkk é rir pra nw chorar!
Imagine eu q to a distancias dai do Brasil,ralando muito pra viver e um mendigo trabalha 25 dias e ganha tudo isso,sem fazer h. extras ainda!

Me revolto, mas é o jeitinho do brasileiro,vive nw importa como!!!!

Bjs

Tabeteimasu disse...

É triste mas é verdade mesmo...o pior ainda são aquelas mães que ficam sentadas no canteiro central das avendidas enquanto aquele monte de filhos "trabalham" para ela...

Bjo,
Carlos

Betty Gaeta disse...

O pior é que isto é verdade! Que triste, estudar como uma louca para depois ganhar menos que uma mendiga!
Bjkas e uma ótima quinta-feira.

cantinho she disse...

Afff! Que vergonha!
Sensacional a sacada do estagiário e a sua pelo post!
Passando pra te fazer um carinho, bjo, bjo!

Kelly disse...

Caramba eu vivo procurando um novo ramo para trabalhar, to de saco cheio acho que essa de pedinte é uma boa kkkkkkk beijos

Em busca de mim disse...

Nilce
Muito interessante essa materia enquanto isso a gente se mata de trabalhar, dando um duro danado! Parece que é mais lucro ser mendigo....
Gd bj