Minha infância, minha vida, meus amores e dores; minhas idéias e meus ideais; idéias alheias, conversação entre sorrisos e lágrimas, tudo contado de uma maneira gostosa e com uma pitada de bom humor por uma pessoa FELIZ!

domingo, 16 de maio de 2010

Convidando uma mulher para jantar! Parte III




continuando...


Os sapatos.


Vale o mesmo que eu disse sobre roupas: ou é bonito, ou é confortável.

Geralmente, quando tenho um encontro importante, opto por UMA PEÇA de roupa bem bonita e desconfortável, e o resto menos bonito, mas confortável.

FATO: Lei de Murphy impera. Com certeza me vai ser exigido esforço da parte comprometida pelo desconforto.

Exemplo: Vou com roupa confortável e sapato assassino. Certeza que no meio da noite o animal vai soltar um 'Sei que você adora dançar, vamos sair para dançar!’
Eu tento fazer parecer que as lágrimas são de emoção.

Uma vez, um sapato me machucou tanto, mas tanto, que fiz um bilhete para mim mesma e colei no sapato, para lembrar de nunca mais usar!

Porque eu não dei o sapato? Porra... me custou muito caro. Posso não usá-lo, mas quero tê-lo.

Eu sei, eu sei, materialista do Ca... Vou voltar como besouro de esterco na próxima encarnação e comer muito cocô para ver se evoluo espiritualmente!
Mas por hora, o sapato fica.
Depois que você está toda montadinha, lutando mentalmente com seus dilemas do tipo 'será que “dou” para ele?

É o terceiro encontro, talvez eu deva “dar”...' Começa a bater a ansiedade. Cada uma, lida de um jeito.

Tenho um faniquito e começo a dizer que não quero ir.

Não para ele, ligo para a infeliz da minha melhor amiga e digo que não quero mais ir, que sair para conhecer pessoas é muito estressante, que se um dia eu tiver um AVC é culpa dessa tensão toda que eu passei na vida toda em todos os primeiros encontros e que quero voltar tartaruga na próxima encarnação.

Ela, coitada, escuta pacientemente e tenta me acalmar.


Agora imaginem vocês, se depois de tudo isso, o filho da p..... liga e cancela o encontro?

'Surgiu um imprevisto, podemos deixar para semana que vem?'.


Gente, não é má vontade ou intransigência, mas eu acho inadmissível uma coisa dessas, a menos que seja algo muito grave! Eu fico p..., p..., PU...da vida!


Claro, na cabecinha deles não custa nada mesmo, eles acham que é simples, que a gente levantou da cama e foi direto pro carro deles.
Se eles soubessem o trabalho que dá, o estresse, o tempo perdido..., nunca ousariam remarcar nada.

Se f... aí! Vem me buscar de maca e no soro, mas não desmarque comigo!

Até porque, a essas alturas, a dieta radical do queijo está quase te fazendo desmaiar de fome, é questão de vida ou morte a porra do jantar!

NÃO CANCELEM ENCONTROS A MENOS QUE TENHA ACONTECIDO ALGO MUITO, MUITO, GRAVE! DO TIPO... MORRER A MÃE OU O PAI TER UM AVC NO TRÂNSITO.


continua...

Bjs no coração!

Nilce



1 comentários:

cantinho she disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkké evidente que tô me vendo aí...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk menina eu tô me acabando de rir!
Bjks e + bjks! :))