Minha infância, minha vida, meus amores e dores; minhas idéias e meus ideais; idéias alheias, conversação entre sorrisos e lágrimas, tudo contado de uma maneira gostosa e com uma pitada de bom humor por uma pessoa FELIZ!

sábado, 9 de outubro de 2010

Família e Educação.


A Família foi, é e sempre deverá ser um lugar privilegiado, natural e anterior ao Estado, onde cada pessoa humana deveria aprender a amar e ser amado. Aprender e saber ensinar. Crescer como cidadão livre e responsável.

Ela é a primeira Escola da socialização. Através dela somos direcionados para o bem ou para o mal, entendemos cidadania, respeito, amor, educação e exemplos que irão direcionar o nosso futuro.
Que não se confunda Educação com Conhecimento.
Educação vem de casa, é coisa de Família. Conhecimento é coisa para o Estado e deveria ser gratuita e de boa qualidade.
Não que o conhecimento não tenha início no lar, mas é sem cobranças, é como brincadeira. Não fazemos provas de avaliação de conhecimento em casa, muito menos temos nota por sabermos mais ou menos sobre Matemática, História, Geografia.
Deveríamos sim tê-las, por bem educar, por bem criar, por bons exemplos.
E temos sim as melhores notas. Elas estão aí, em muitas pessoas que mesmo sem aparecer, se destacam. Que através dos exemplos que tiveram são agora cidadãos construtivos, que zelam pelo bem, e é neles que apostamos toda a nossa esperança de um mundo melhor.
Entendo que a Sociedade mudou, a Realidade mudou. Mas ainda não devemos deixar de apostar na Família, seja ela formada por pais e filhos; irmãos; amigos; avós e netos; ou qualquer outro tipo de laço de amor, dentro de um lar que tenha objetivos comuns.
É na família que encontramos nosso porto seguro, onde temos total liberdade, onde ninguém, nem mesmo o Estado pode, e nem deve interferir.
Onde até a polícia precisa de ordem para entrar, a não ser por razões extremas.
E é nesse lugar que deve reinar a paz, o amor e o respeito. É a partir dela que se formam Cidadãos de Bem.
Eu ainda aposto na Família.
E você o que pensa sobre o assunto?

Bjs no coração!


37 comentários:

Yoyo disse...

Considero a instituição família, como o porto seguro para qualquer ser humano.Pelo menos assim, deveria ser, mas hoje em dia a idéia de amar e ser amado, vem sendo deturpada, dentro da própria família, vem sendo confundida com sinônimo de permissividade.
bjos e bjos

Manuela Freitas disse...

Querida amiga,
Evidentemente que a família é essencial na educação e formação de uma criança, a família se for bem formada passa uma parte muito importante do que depois somos.
Os problemas actuais são precisamente derivados de famílias desintegradas. A questão familiar é um prolbema na sociedade muito grave.
Beijinhos
Manú

PS. essa sua recente seguidora mais dia, menos dia escreve-lhe um mail a dizer mal de mim!

Yoyo disse...

A instituição família é algo sagrado, deveria ser o porto seguro para qualquer ser humano, mas infelizmente nos ultimos tempos as coisas não são bem assim. Valores como amar e ser amado estão sendo deturpados, dentro da própria família, estão sendo vistos como sinônimos de permissividade( alguns pais pensam: "se amo, tudo aceito, etc,etc")

Jaque ઇ‍ઉ disse...

Família pra mim é tudo.
E eu tenho um ótimo exemplo de mãe guerreira. Infelizmente não de família unida até o fim, mas minha mãe fez os dois papéis muito bem e isso me inspira a ter a mesma garra que ela. E educação foi a melhor possível. Eu tenho meus princípios e não passo por cima deles por nada.

Eu quero construir a minha família e poder dizer que somos felizes, com todas as desavenças e brigas.

Beijos amiga-manhê! rs

"(H²K) - Hamilton H. Kubo" disse...

Apoiada em grau e número, e pensar que há um tempo atrás o governo queria influenciar na educação dada pelos Pais, claro que alguns casos, muito bem frisados diga-se de passagem, são extremos e passíveis de intervenção, mas de modo geral quem melhor que os Pais para a educação preliminar!!

Perfeito Nilce!!

Beijos

Dora Regina disse...

Nilce, a família é a célula mater da sociedade, mas infelizmente esse conceito de família não está mais em moda, os pais estão delegando poderes de educar seus filhos, às escolas e igrejas.
Vejo isso muito de perto, trabalho em uma escola, muitos alunos não recebem educação em casa, e o professor além de ensinar tem também que educar.
Um grande abraço!
Bom fim de semana!!!

Heloísa disse...

Nilce,
A família, ligada por laços de amor e solidariedade, é algo de uma importância transcedental.
Felizes aqueles que crescem numa família desse tipo.
bjs

Kelly disse...

Você sabe bem o que penso sobre a família, uma instituição insubstituivel! Obrigada por seu carinho e atenção sempre, beijos

Misturação - Ana Karla disse...

Penso como você Nilce, a família é o nosso porto seguro e por isso nossas criancinhas precisam de um e que seja sadio e próspero.
Me identifico muito com suas palavras.

Xeros

Zé do Cão disse...

Aposta-se na Família e julgamos fazê-lo?
Custa dizer, mas nesta altura os papás não estarão a cometer um grande erro na educação dos filhos?
Será por quê? Por trabalharem os dois?
Não lhes dão assistencia, vão para cresches, voltam a hora de dormiram e vão novamente ainda sem abrir os olhos.Seguem a escola e o caso continua. Apoio, sim monetário têm mas só esse. Crescem
sem o convívio da família, revoltam-se fazem tropelias e é raro o caso em ue a família compreendo que procedeu mal na sua falta de apoio.
O espaço é muito pouco abordar este assunto.
Sou pai de dois Jovens (28/30 anos)
formados e sem canseiras, cujo mãe
" A DONA" foi maravilhosa, trabalha ainda, mas que eu reconheço, por efeitos do trabalho, não dei a assistência devida.
jinhos

Isa mar disse...

Família é tudo, índependente de laços de sangue, o que vale são os laços de afeição que criamos.
Beijos e uma ótima noite pra ti!

Cantinho da Cê disse...

Boa noite Nilce,

Minha família é meu porto seguro, meu apoio, meu tudo...

Beijos da Cê

Lulú disse...

Sobre sua postagem eu concordo com você. Eu também penso assim.
E sobre minha postagem de hoje, sobre o maxixe, não é uma sopa, é um ensopado, que pode acompanhar carnes , ou servir como entrada no almoço ou jantar. Ou ainda aumentar a quantidade de leite e virar uma sopa.
Beijos e obrigada por estar sempre me visitando e comentando.
Beijo
Maria Luiza(Lulú)

Beth/Lilás disse...

Nilcinha,
Falou tudo, mandou muito bem!
Gostei mais ainda da idéia de se pontuar, premiar quem educa com amor e educação e bons exemplos.
Eu acredito nesta célula mater que ainda é a família e, por isso, tenho esperanças neste país ... ainda.
beijo grande, muitos.

António Rosa disse...

Nilce,
Assino por baixo. Família é tudo, mesmo que hoje em dia o conceito de 'família' se tenha alargado e ainda bem que assim é. Lindíssimo post. Beijos
António

Fernanda disse...

Amiga Nilce!

Muito bom esse texto para reflexão e ponderação!

Eu sou ambas as coisas, mãe e professora, embora agora seja só a part-time ... ambas as coisas :))))

Sei o que quer dizer e é sim muito importante aue os pais não se demitam da sua função se esducadores.
O berço vem de casa.

Mas....
a escola também tem um papel muito importante, vital e não deve nunca, em circunstância alguma esquecê-lo.

Há famílias que não têm nada para ensinar aos seus filhos, nada de bom.
Os seus exemplos são todos negativos... e aí a escola tem o dever de interferir e providenciar tudo. para essas crianças se sintam apoiadas e até possam apoiar em casa.
Nos casos normais, até de sucesso pleno, a escola deve evidenciar esses feitos, fazer deles um exemplo a seguir e consolidae esses valores diariamente.

Beijinhos

disse...

Nilcinha, estava ausente por força maior e quando retorno, veja só o que encontro por aqui?! Sabedoria, como sempre. Família é base, estrutura, pilar, sustentação. Não sou absolutamente nada ou ninguém sem a minha. Bjos enormes

Nilce disse...

Oi, Ná

É mesmo como filha, mãe e educadora de longos anos que falo.
Há sim casos em que somos mais mães do que educadora de nossos alunos.
Mas jamais conseguiremos mudar o seu caráter em pouco tempo de convívio. Os pais chegam pra gente e dizem: "por favor professora, dê um jeito no meu filho que nem nós podemos mais com ele" e vão para o bar ou para a farra. E eles muitas vezes são bem violentos porque aprenderam em casa.
Com isso é que não concordo. Então que não tenham filhos.
Outra coisa é o Estado (pelo menos no Brasil) interferindo e ditando regras de criação para todos.
Trabalhei fora a minha vida toda e criei sozinha meus três filhos, nem por isso são pessoas mal educadas ou de mal caráter. Passamos muitas dificuldades, inclusive falta de alimentos. Mas sempre unidos. Nunca ninguém matou ou roubou.

Espero que você tenha me entendido.

Bjs no coração!

Nilce

Astrid Annabelle disse...

Eu gostei muito desse seu post Nilce!
Penso como você, sem dúvida nenhuma.
Percebe-se de longe quem teve "berço", como se fala popularmente.
Como também sou professora, na época em que lecionava presenciei fatos cabeludos entre as crianças que tinham uma família entre aspas!
É o amor que alimenta a fôrça de uma família!
Parabéns! Lindo recado.
Astrid Annabelle

ValeriaC disse...

É Nilce querida, família tem um papel muito importante na formação de cada um...e quem não a tem, sabe o quanto faz falta não ter tido esta base de amor para crescer e se sentir protegido.
Bom domingo florzinha...beijos...
Valéria

Deia disse...

Oi Nilce! Que belo tema para um sábado!! Também acredito no papel fundamental da família na condução dos filhos, seja ela moldada como for possível (pai e mãe, mãe apenas, avós, tios e primos), mas sempre presente, não importa quando nem porquê. Um beijo, Deia
PS: ADOREI ver o selinho do Rumo ali no cantinho - que luxo!!

Lulú disse...

Gosto de você sim,acho que se nos conhecessemos pessoalmente iriamos nos dar muito bem.
Gosto do seu blog e sou sua seguidora há algum tempo. E sempre que posso estou aqui comentando.
Pela foto você é bem simpática.
Grande beijo.
Maria Luiza (Lulú

Michele disse...

Oi, querida!

Pois então... hoje a família é um pouco diferente dos padrões de algum tempo atrás. Pai, mãe e filho podem ser substituídos por padrastros, avós, enteados e alguns tios. Mas independente de quem componha o núcleo familiar, é preciso sim que todos ali saibam que têm para onde voltar. Como você bem disse, a família é nosso porto-seguro, nossa referência e se ela não for bem estrutturada e oferecer uma boa base à criança, não há escola que o consiga fazer! Tudo começa dentro de casa! :)

Um beijo grande!

Um PS.: Estou looooouca sim pra ver a carinha da minha menina! haha

Betty Gaeta disse...

Oi Nilce,
Sempre ouvi dizer que "educação vem de berço", e achava esta frase um tanto preconceituosa, hj vejo o quanto eu estava errada e agradeço a família que eu tive na infância.
Bjkas e um final de semana maravilhoso para vc.

http://gostodistonew.blogspot.com/

Chica disse...

Muito lindo e a familia deve ser nosso apoio sempre...beijos,lindo fds,chica

welze disse...

estou com vc minha querida. como sempre digo aos meus filhos e agora ao genro e nora, a casa, família, é e sempre será para todos nós, o grande porto seguro. a base de tudo. onde tudo acontece, começa e acaba. onde impera o respeito depois o amor.

Vidaemsociedade disse...

É muito importante remarcar este assunto e estou feliz pelo apoio que recebeu a sua posição de defesa da família. Deixo aqui nosso link que fala alguma coisa de temas importantes da educação em família como virtudes humanas e boas maneiras. Espero estar assim reforçando o que você disse e que seja útil para continuar conversando com seus leitores sobre a família e seu papel na formação humana. Abraços,
Vida em Sociedade: Boas Maneiras, Virtudes Humanas e Cristianismo para a Vida Cotidiana. Informação Útil para a família. Material de Reprodução Livre e Gratuita - Brasil - Ano IV
http://vidaemsociedade-sa.blogspot.com/

lolipop disse...

Oi amiga querida!
Por alguma razão não recebi o feed com a sua nova postagem...
Há famílias e famílias...eu explico. Adoro ver famílias felizes e unidas, em que cada um aceita a diferença dos outros, e há sobretudo muito amor e carinho. depois, há aquele tipo de família, que condiciona mais do que liberta, que exige em troca de... qualquer tipo de atitude ou comportamento.

TERNURAS
DESCULPA NÃO TER VINDO ANTES...recebeu meu mail?
BEIJOS

Socorro Melo disse...

Eu também aposto, Nilce. Sempre entendi dessa forma. Penso que grande parte dos problemas sociais, são provinientes de famílias mal estruturadas, ou pela ausência das famílias na vida das pessoas marginalizadas. Considero a família sagrada, pois, como você disse, é o berço da sociedade, de onde provém a educação, de fato.
Seu texto está excelente, viu?
Beijos
Socorro Melo

Meri Pellens disse...

A família é a célula fundamental da sociedade. É minando as bases da família que se vai desestruturando a sociedade humana.
Gostei da sua colocação sobre que é em casa que principalmente se dá educação e na escola conhecimento.
Beijos na alma, querida!

Michelle Lynn disse...

Oi Nilce, acredito que a escola e a família andam na mesma mão, e concordo com vc que a educação vem de casa, nós como filhos somos reflexo de nossos pais, assim como nossos filhos.
Sempre digo ao Arthur que ele não precisa ser um homem rico materialmente, mas ele precisa sim ser justo, leal, sincero, honesto e nunca abandonar seus princípios.
Não espero que ele seja um rei, mas que ele seja um homem como foi o Rei Arthur.

Adorei o post!
Abraços,
Mi

ELA disse...

Um texto para ser aplaudido de pé. Lido, relido e guardado. Impresso, pro caso de sair do ar! Muito bom, Nilce! Indentifiquei-me inexplicavelmente com cada palavra. Demonstra grande sensibilidade e um conhecimento incomum sobre sociedade, política e relações humanas. Um privilégio ler isso, obrigada.

Michelle Siqueira

Élys disse...

Nilce, pela primeira vez em seu blog e vejo uma postagem muito especial.
A família é a célula onde a personalidade é polida para a vivência universal. Conforme as famílias vão se estruturando no amor puro, verdadeiro, o mundo vai melhorando. Vou seguir o seu Blog que gostei muito.
Um abraço, Élys

Denise disse...

Oi Nilce,
Este post foi mais do que esclarecedor e só devo em concordá-lo. Adorei minha linha!
Bjinhos, boa semana!